quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Poema triste





Poema triste


Passava e deixou de passar,
nem de automóvel nem de cajado...
Perguntei, foi parar a um lar...

Chorava
quando de lares
se falava...


José Rodrigues Dias, 2017-02-10

Sem comentários:

Enviar um comentário