sexta-feira, 7 de abril de 2017

Paz




Paz


Gostaria eu de ter palavras
que silenciassem as armas, de dor e de morte,
ou saber onde as encontrar...

Mas não, talvez que nem existam tais palavras...
Eu até as compraria pelo que fosse, se pudesse...
Mas não, são as armas que abafam as palavras...

Não sei, tenho medo, talvez um dia
as armas calem todas as armas, de dor e de morte,
e da noite brote pura a palavra paz...


José Rodrigues Dias, 2017-04-07

1 comentário: