terça-feira, 16 de maio de 2017

(A)Braço




(A)Braço 


Cresce o braço 
que do céu enrolado
desce tão lasso...

Num azul azul
um ramo em verde fluido
neste sul a sul...

Nesta imensidão do espaço,
ao sabor de nós, de ventos, talvez da fé,
cada ser indo no seu passo...

Talvez de uma fé, de uma convicção,
em solidão ou talvez em fraterna caminhada, abraçados,
tu e eu, sós, ou juntos em comunhão...


José Rodrigues Dias, 2017-05-16

Sem comentários:

Enviar um comentário