sábado, 10 de junho de 2017

Portugal, porque...




Portugal, porque...


Gosto desta terra,
dos montes, da planície, do mar,
da luz que medra...

Gosto desta lonjura
espraiando-se,
o andar livre a olhar...

Gosto desta mistura
de campo, de mar, de cidade,
gosto desta postura...

Neste chão
dos passos a minha mão
me dá pão...


José Rodrigues Dias, 2017-06-09

Sem comentários:

Enviar um comentário