segunda-feira, 4 de janeiro de 2021

Da (des)construção de castelos

 



Da (des)construção de castelos


Pedra a pedra

se faz um castelo, como o teu, devagar se bem feito,

a várias mãos…


E talvez todo  num instante 

se poderá desmoronar, talvez tu dentro,

cada esquina se esboroando…


Escrito

nas pedras de antigos

castelos…


2020-01-04


in José Rodrigues Dias, Poemas confinados (2020, Janeiro a Abril), 148 pp, 2020. 


Jrd, 2021-01-04


Facebook


https://www.facebook.com/jose.rodriguesdias/


Sem comentários:

Publicar um comentário