quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Dispersas nos veios das rochas

 



Dispersas nos veios das rochas



Habituei-me aos números e às fórmulas,

ao zero e ao um,

olhando-os

(apesar da beleza de rostos seus

sem palavras de mim sabidas para a dizer,

alguns traços apenas talvez em fractais movediços)

de uma forma bem austera, quase granítica,

se bem que sem nenhuma austeridade imposta,

aí tendo dispersas nos veios das rochas

as minhas raízes à procura das seivas,

aí florindo em alguns frutos…


2013-01-07


in José Rodrigues Dias, Diário Poético (2012 - 2016), Livro três, 3/10 (Janeiro a Junho de 2013), 266 pp, 2020.


* * * 


Jrd, 2021-01-07


Facebook:


https://www.facebook.com/jose.rodriguesdias/


Sem comentários:

Publicar um comentário